Dicas para a sua candidatura por email

Nesta era digital, é impensável não termos um endereço eletrónico. Este veio facilitar muita coisa. Até as candidaturas a emprego são mais rápidas e mais baratas! O email não precisa de selo, mas precisa de algumas regras específicas para que seja eficaz e um aliado na tarefa de o ajudar a conseguir um emprego.

 

. O email como carta de apresentação

Antes de mais, não envie um email em branco com um CV e uma carta anexados! Para ter a certeza que o seu email é lido (e antes do seu CV), envie a sua carta de candidatura na forma de email. É muito mais provável que seja lido se for a primeira coisa que o recrutador vê.

 

. O assunto

Esta é uma das partes mais importantes do seu email. Aqui começa a sua oportunidade de se destacar. É proibido o assunto (subject line) ir em branco, até porque não quer que o seu email acabe na lista de spam
Deve incluir uma referência sobre a função a que se candidata, mas aproveite para lançar já um pouco do que quer mostrar de si.

Exemplo: “Assistente Web Marketing Refª 123 – Experiente e criativo em B2B”

 

. Tipo de discurso

Aqui, vale a mesma regra das cartas de apresentação: deve adequar o seu tom ao estilo da empresa a que se candidata. Use o anúncio, a página web e as redes sociais para perceber se a empresa é mais ou menos conservadora. Depois, seja um pouco mais conservador que isso: deve adaptar-se ao estilo deles, e não esperar o contrário.

 

. Tamanho do email

Se o propósito de um CV é conseguir-lhe uma entrevista de emprego, o propósito de uma carta de apresentação é direcionar a atenção do recrutador para o seu CV. Também o email pretende captar a atenção do recrutador para o seu CV e motivá-lo a lê-lo.
Não o faça perder muito tempo, seja conciso e objetivo ao longo do email. Mas não seja telegráfico! Diga o essencial que seja capaz de suscitar o interesse do recrutador.
Já agora, utilize parágrafos e uma formatação atrativa de ler. Cuidado com o uso de imagens (assinatura, logótipo, etc), pois o software de email pode distorcer e desconfigurar tudo.

 

. Recibo de leitura

Pedir um recibo de leitura pode ser um pouco de mau tom. Passa a mensagem que não confia que a pessoa vai ler o email… Se tem dúvidas que o email chegou ao destinatário, pode sempre telefonar uns dias mais tarde.

 

. Prioridade

O seu email é, obviamente, de alta prioridade e importância para si, mas sinalizá-lo como de “prioridade alta” ou “prioridade muito alta” não significa que vá ter tratamento urgente ou especial por causa disso. Pelo contrário, o recrutador pode achar que é um abuso da sua parte.

Tenha estas dicas em mente da próxima vez que se candidatar a um emprego por email. Que recetividade estão a ter os seus emails?

 
 
 
Fotografia: Flickr, Horia Varlan